FANDOM


Bret hart

Bret Hart a maior vitima do Montreal Screwjob

O Montreal Screwjob foi um acontecimento real (shoot) envolvendo na época o WWF Champion Bret Hart e o chairman da World Wrestling Entertainment, Vince McMahon durante o evento principal do pay-per-view de wrestling profissional Survivor Series ocorrido em 9 de novembro de 1997, na cidade de Montreal, Quebec. Uma reunião secreta antes da luta pré-determinada que acabaria com Hart revertendo um finisher (sharpshooter) de Michaels, foi realizada com Shawn Michaels e o árbitro Earl Hebner. McMahon trocou as idéias e mandou Hebner soar o gongo antes de Hart reverter o finisher. Isto fez com que ele fosse para a World Championship Wrestling, após 14 anos na WWF.

História

Vince McMahon 2

Vince McMahon o arquiteto do acontecimento

Relação com a WWF

Bret Hart mantinha um contrato com a World Wrestling Federation, onde tinha recebido a proposta de renová-lo por 20 anos. Porém, nunca ocorreu a assinatura da renovação. Passaram meses e nem uma palavra de Vince McMahon, dono da WWF a respeito da eventual renovação. Bret havia desistido de um contrato com a World Championship Wrestling, no qual receberia 25 milhões de dólares.

Mr. McMahon entrou então em contato com Bret Hart lhe avisando que a proposta de renovação estava cancelada. Porque a WWF estava perto da falência técnica e o comprimento eventual de seu novo contrato era impossível.

Para tratar da negociação, Vince pede então a Hart que entre em contato com o General Manager da WCW, Eric Bischoff. Esta foi uma atitude de desespero de Vince. Mas com isto, poderia recuperar financeiramente e contratar lutadores talentosos a preço mais baixo. Bischoff, queria de qualquer jeito assinar contrato com Hart. Bret no entanto não queria prejudicar a WWF e Eric deu-lhe um prazo de 2 meses para resolver problemas pendentes (como o seu título mundial).

Semanas antes do PPV

Com isso, Hart teria que "abandonar" o WWF Championship. McMahon pensava para quem ele iria perder o título. Stone Cold Steve Austin estava contundido. A opção que restou foi Shawn Michaels. Isso teria que ocorrer no Survivor Series 1997, evento localizado no país onde Hart nasceu e era idolo, o Canadá.

Bret deu muitas hipóteses a Vince, para não perder na sua terra natal. Aparentemente, Vince aceitou o fato de não perder o título no PPV, mas sim na Raw seguinte. No dia do evento, McMahon teve medo que Bret não cumprisse com a sua palavra.

No dia do evento

Então, Vince pressionou ao máximo Bret Hart para que perdesse a sua luta para Shawn Michaels. Bret disse que se perdesse a personagem do "Hitman", estaria com a carreira praticamente acabada. McMahon não confiava mais em Hart.

Na manhã do dia do pay-per-view, Vince ligou para Bret dizendo que estava tudo combinado e que ele derrotaria Michaels. Hart aceitou, mas estranhou pelo fato de McMahon quase nunca mudar de idéias. Encontrou-se então com o árbitro desta luta, Earl Hebner, e disse-lhe exatamente o que Vince lhe tinha dito. Bret confiou no acordo feito mas a 6 horas do evento, McMahon chamou Michaels e Hebner em uma reunião secreta em sua sala. Propôs que falariam a Bret que seria um empate e que Hebner e Michaels sairiam a correr do ringue e entrariam numa limousine que os levaria para parte incerta, enquanto que McMahon ficaria perto do ringue para resolver as coisas. Tudo planejado mas os planos saíram furados. Na altura, Bret encontrava-se em constantes gravações de um documentário sobre sua vida. A duas horas do combate, Bret reuniu-se com Vince, mas prevenido, levou um microfone escondido. Vince disse então que altura terminaria em empate e que Michaels aplicaria o Sharpshooter, Hart reverteria. Soaria então o gongo e The Hart Foundation e D-Generation X enfentariam-se no ringue.

Luta

A música de Michaels tocou e ele foi vaiado muito, pois tinha fraca popularidade no Canadá. Logo veio muito ovacionado Bret Hart, que todos esperavam derrotar HBK. O combate foi muito fraco. Mereciam ambos serem desqualificados sem dúvida alguma e Vince fazia de tudo para que não fossem. Então McMahon coloca em execução o seu plano secreto: no ringue, Michaels aplica o Sharpshooter e do nada, sem que tivesse tempo para reverter, ouve-se o soar do gongo. Michaels derrota Hart e é o novo WWF Champion.

No final: McMahon traiu Bret Hart. Shawn Michaels ficou tão surpreendido que ficou parado, e o árbitro foi a correr para a limousine, para não ser alvo de objetos.

Após a luta, Bret levanta-se, insulta e cospe em McMahon. Nisto, entram em cena Jack Brisco (assessor de McMahon) e Triple H (amigo de Shawn Michaels e membro da D-Generation X). Brisco ordena a Michaels que abandone o ringue e festeje com o título. McMahon refugia-se no seu gabinete e tranca-se lá dentro acompanhado de seu filho, Shane McMahon.

Michaels recusa ir para a limousine e insiste em falar com Bret nos vestiários. Nisto, os membros da The Hart Foundation entram no ringue e tentam convencer Bret a regressar aos vestiários.

Bret estava com muita raiva e quebrava tudo que via pela frente. Ele apanha uma bandeira, grita e gesticula de modo a formar as siglas W-C-W. O público percebeu tudo que se passou e despede-se do seu ídolo, que iria para a World Championship Wrestling.

Chegado aos vestiários, Bret tenta invadir o escritório de McMahon, mas é segurado por British Bulldog e Owen.

McMahon queria falar com Hart, mas este não queria vê-lo. Mesmo assim, McMahon dirigiu-se ao vestiário de Hart, acompanhado de Shane McMahon (filho e assessor), Sgt. Slaughter (ex-lutador, agora oficial da empresa), Jack Brisco (ex-lutador e diretor da empresa) e Pat Patterson (diretor responsável pelas relações dos lutadores com a direção).

Após um tempo, Bret dá um soco em McMahon. Este cai desmaiado no chão. No momento da queda, Jack Brisco tentou segurar McMahon. O pé de Vince embate com violência num banco e fratura o tornozelo. O soco foi muito violento que partiu o queixo de McMahon e fraturou o braço de Hart.

Após incidente

Vince foi operado e não apareceu na TV durante duas semanas. Quando questionado pelas autoridades sobre o que tinha acontecido, Bret afirma que “Vince veio quase que de encontro ao punho acidentalmente”.

Após esse acidente, foi o fim da relação duradoura de 14 anos que possuía a WWF com Hart. McMahon introduziu Bret Hart no Hall da Fama da WWE em 2006.

Ligações externas

WWE
Campeonatos

Universal (Campeões)  • United States (Campeões)  • Raw Women's (Campeãs)  • Raw Tag Team (Campeões)
 • Women's Tag Team (Campeãs)  • 24/7 (Campeões)
 • WWE (Campeões)  • Intercontinental (Campeões)  • SmackDown Women's (Campeãs)  • SmackDown Tag Team (Campeões)
 • NXT (Campeões)  • NXT North American (Campeões)  • NXT Cruiserweight (Campeões)  • NXT Women's (Campeãs)  • NXT Tag Team (Campeões)
 • United Kingdom (Campeões)  • UK Women's (Campeãs)  • UK Tag Team (Campeões)

Campeões
Atuais campeões
Programas

Raw  • SmackDown  • 205 Live  • Main Event

Pay-per-views
Pay-per-view da WWE
Outros

Divas  • Draft  • Elenco  • Grand Slam Championship  • Hall of Fame  • Montreal Screwjob  • WWE NXT  • Slammy Award  • Triple Crown Championship  • WWE Network  • Saturday Morning Slam  • Superstars

Pessoas

Vince McMahon  • Shane McMahon  • Stephanie McMahon  • Triple H

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.